Home > Uncategorized > Alguns aspectos sobre a multidão e o Anonimato

Alguns aspectos sobre a multidão e o Anonimato

Pensando um pouco sobre a multidão e o anonimato, achei interessante o vídeo, uma produção de alunos da universidade do Kansas, em contraponto com a idéia de  multidão em Hartd e Negri (2005) com a de network individualism de Wellman (2001).

A multidão engloba uma multiplicidade de singularidades e o individualismo em rede nos coloca em meio a um movimento global em que somos capazes de ocupar espaços por meio de nossa subjetividade. O anonimato estaria subjugado e dependente dos relacionamentos que criamos, dos interesses, posturas e do conhecimento que se compartilha em rede, na qual ninguém pode usufruir do privilégio de ser anônimo. Essa é uma questão.

em: HARDT, Michael; NEGRI, Antônio. Multidão: guerra e democracia na era do imperio. Tradução: Clóvis Marques. Rio de Janeiro: Record, 2005.

“Numa primeira abordagem, devemos distinguir a multidão, em termos conceituais, de outras noções de sujeitos sociais, como o povo, as massas e a classe operária. O povo tem sido tradicionalmente uma concepção unitária. A população, como se sabe, é caracterizada pelas mais amplas diferenças, mas o povo reduz esta diversidade a uma unidade, transformando a população numa identidade única: o ‘povo’ é uno. A multidão, em contrapartida, é multipla. A multidão é composta de inúmeras diferenças internas que nunca poderão ser reduzidas a uma unidade ou identidade única – diferentes culturas, raças, etnias, gêneros e orientações sexuais; diferentes formas de trabalho; diferentes maneiras de viver; diferentes visões de mundo; e diferentes desejos. A multidão é uma multiplicidade de todas essas diferenças singulares. As massas também se diferenciam do povo, pois tampouco elas podem ser reduzidas a uma unidade ou identidade. As massas certamente são compostas de todos os tipos e espécies, mas não se pode realmente afirmar que diferentes sujeitos sociais formam as massas. A essência das massas é a indiferença: todas as diferenças são submersas e afogadas nas massas. (…) Essas massas só são capazes de mover-se em uníssono porque constituem um conglomerado indistinto e uniforme. Na multidão as diferenças sociais mantêm-se diferentes, a multidão é multicolorida. Desse modo o desafio apresentado pelo conceito de multidão consiste em fazer com que uma multiplicidade social seja capaz de se comunicar e agir em comum, ao mesmo tempo em que se mantém internamente diferente.” (HARDT; NEGRI, 2005m p. 12 e 13).

“A multidão, em contrapartida, é um conceito aberto e abrangente que tanta apreender a importância das recentes mudanças na economia global: por um lado, a classe operária industrial já não desempenha um papel hegemônico na economia global, embora quantitativamente não tenha diminuído em escala planetária; por outro lado, hoje em dia a produção já não pode ser concebida apenas em termos econômicos, devendo ser encarada de maneira mais ampla como produção social – não apenas a produção de bens materiais, ams também a produção de comunicações, relações e formas de vida. A multidão, assim compõem-se potencialmente de todas as diferentes configurações da produção social. Mais uma vez, uma rede distributiva como a Internet constitui uma boa imagem de base ou modelo para a multidão, pois, em primeiro lugar, os vários pontos nodais se mantêm diferentes mas estão todos conectados na redeParece a metáfora do rizoma em Deleuze. , e além disso as fronteiras externas da rede são de tal forma abertas que novos pontos nodais e novas relações podem estar sendo constantemente acrescentados”. (HARDT; NEGRI; 2005, p. 14).

Categories: Uncategorized
  1. No comments yet.
  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: